Publicidade

domingo, 29 de abril de 2012

Maminha Recheada

Que tal uma Maminha Recheada para o almoço de domingo?

Nós fizemos e ficou uma delícia. Recheada com bacon, pimentões e cebola, fica ótimo acompanhado com Arroz Branco e salada verde.


Faça a receita abaixo e depois volte aqui para nos contar o que achou. Vamos lá!

Ingredientes:
  • 1 peça de cerca de 1 kg de maminha
  • 100g de bacon ao cubo
  • Tirinhas de pimentão verde, vermelho e amarelo
  • 1/2 cebola cortada em tiras
  • 1 colher (chá) de azeite de oliva extra-virgem
  • 1/2 litro de água quente (esquente na Chaleira Elétrica)
  • 3 colheres (sopa) de mostarda
  • 1/2 cálice de vinho branco seco
  • 1 colher (sobremesa) de amido de milho
  • sal à gosto
  • pimenta do reino à gosto
Modo de fazer:
  • Para rechear, faça diversos furos com a faca em forma de cruz em toda a carne. Utilize o dedo indicador para facilitar a abertura dos furos
  • Em cada furo, coloque uma tira de pimentão de cada cor, uma tira de cebola e o bacon.
  • Tempere a carne com sal e pimenta à gosto.
  • Leve a carne para a Panela Elétrica de Pressão na função dourar, e sele bem a carne dos dois lados. Esse procedimento intensifica o sabor da carne.
  • Coloque a água quente e mude para a função pressão. Cozinhe na pressão por cerca de 30 minutos.
  • Assim que terminar, retire a carne e fatie com cuidado próximo aos furos, para aparecer o recheio. Coloque em refratário e reserve.
  • Prepare o molho com o caldo que ficou na panela, acrescentando a mostarda. Dilua o amido de milho no cálice de vinho e acrescente à panela, misturando o molho até engrossar.
  • Experimente o molho e, se necessário, coloque mais sal.
  • Espalhe o molho por cima da carne.
  • Está pronto.
Rendimento: 4 à 6 porções

Sem exagero, ficou uma maravilha. Experimente você também.

Não esqueça: Comente, curta, compartilhe.

sábado, 28 de abril de 2012

Pão de Leite Condensado

Olá, como vai você?

Vamos apresentar agora mais uma de nossas receitas preparada em nossa cozinha elétrica: o Pão de Leite Condensado!

Ótima pedida para para seu café da tarde, é fácil de fazer e uma delícia para comer. 


Vamos à receita:

Ingredientes:

a) Para a massa:
  • 4 ovos
  • 1 lata de leite condensado
  • 1 kg de trigo
  • 1 copo de leite
  • 1/2 copo de óleo
  • 150g de fermento biológico
b) Para o Glacê:
  • 1 colher (sopa) de margarina
  • 2 colheres (sopa) de leite
  • 2 colheres (sopa) de açúcar
  • Coco ralado para confeitar
Modo de fazer:
  • Coloque no Mixer Philips Walita o leite, o leite condensado, 3 ovos, o óleo e o fermento e bata tudo;
  • Em uma bacia, coloque o trigo e vire a mistura anterior;
  • Homogenize a massa, sovando manualmente;
  • Deixe descansar por 1 hora, até dobrar de tamanho;
  • Divida a massa em duas partes e faça duas tranças;
  • Deixe descansar mais trinta minutos;
  • pincele 1 ovo sobre a massa e leve ao Forno Elétrico, pré aquecido à 150 graus, para assar por cerca de 40 minutos. Ligue as duas resistência, inferior e superior, para fazer essa receita.
  • Faça o glacê, misturando os ingredientes (exceto o coco) manualmente.
  • Quando pronto, retire o pão do forno e pincele o glacê sobre o pão ainda quente.
  • Para finalizar, pulverize imediatamente o coco ralado sobre o glacê, formando uma cobertura.
  • Está pronto.

O resultado é um pão suave, levemente adocicado, que pode ser degustado tanto com margarina como com geleia. Experimente!

E então, o que achou?

Curta, comente, compartilhe!

segunda-feira, 23 de abril de 2012

Feijoada Simples

Oi, tudo bem?

Hoje vamos mostrar uma receita famosa na cozinha brasileira: a feijoada.


Um dos objetivos da criação desse blog é compartilhar com as pessoas que praticamente todos os tipos de pratos podem ser preparados em panelas elétricas, das mais simples às mais complexas. E nada mais simples, mais comum e mais brasileiro que o próprio feijão com arroz. No caso dessa receita, fizemos uma feijoada simples e deliciosa, colocando ingredientes que gostamos mais (calabresa, bacon, costelinha de porco defumada, pedaços carnudos de carne suína) e retirando alguns que não gostamos tanto (pés, orelhas, focinho, rabo, etc). Tudo isso acompanhado com Arroz Branco, angu e couve refogada.


Vamos à receita!

Ingredientes:
  • 2 xícara (chá) de feijão preto
  • 1 linguiça calabresa
  • 250g de costelinha defumada
  • 100g de bacon em cubos
  • 300g de pedaços de carne suína com pouca gordura
  • 1 cebola
  • 1 dente de alho
  • 700ml de água quente

Modo de fazer:
  • Na Panela Elétrica de Pressão, coloque a linguiça, o bacon, a carne, a cebola e o alho e refogue tudo até dourar;
  • Em seguida acrescente o feijão e a água quente (aqueça na Chaleira Elétrica), e coloque na pressão por quarenta minutos.
  • Retire a pressão e verifique se precisa acrescentar sal. Geralmente não colocamos, pois os ingredientes já contêm.
  • Deixe apurar por cerca de dez minutos, sem tampa.
Rendimento: 6 porções bem servidas.


Importante: essa quantidade de água é para a Panela Elétrica de Pressão, pois ela não perde vapor. Caso use essa mesma receita em uma panela de pressão comum, verifique a necessidade de acrescentar mais água durante o preparo.

Sirva com o tradicional prato brasileiro, guarnecendo com Arroz Branco, angu e couve refogada.

Uma excelente feijoada super simples de fazer. Aproveite.

Qualquer dúvida é só perguntar.

 Gostou? Comente, curta, compartilhe!

sábado, 21 de abril de 2012

Escondidinho de Frango de Batata

Olá.

Vamos agora mostrar uma versão de escondidinho diferente, particularmente para os que não gostam de carne vermelha nem de mandioca (ou aipim, ou macaxeira), com a opção de frango e feito com batata. Esperamos que gostem. Nessa receita iremos trabalhar com a Panela Elétrica de Arroz, a Panela Elétrica de Pressão, a Chaleira Elétrica e o Forno Elétrico. Anote:


Ingredientes:
  • 1 peito de frango
  • 5 batatas grandes fatiadas
  • 1 cebola média picada
  • 1 tomate maduro
  • 200g de mussarela ralada no ralo grosso
  • 1 caixa de creme de leite
  • 1 colher (sopa) de margarina
  • 2 copos de água filtrada
  • 1 dente de alho
  • 1 colher (sopa) de óleo
  • q/n pimenta do reino preta
  • sal à gosto

Modo de fazer:
  • Refogue o peito de frango com o óleo, o alho, a cebola, o tomate, a pimenta e o sal na Panela Elétrica de Pressão na função "dourar".
  • Ferva a água na Chaleira Elétrica e coloque sobre o frango já refogado. Verifique se há necessidade de acrescentar mais sal. Tampe a panela e coloque para cozinhar na função pressão por 40 minutos.
  • Na Panela Elétrica de Arroz, cozinhe as batatas no vapor. Após o cozimento e ainda quentes, coloque-as em um refratário amassadas.
  • Sobre as batatas, coloque a margarina, uma pitada de sal e 1/2 caixa de creme de leite. Misture bem.
  • Retire o frango da panela e desfie, mantendo o caldo na panela. Retorne com o frango desfiado para a panela e o caldo, na função dourar, deixando ferver até o caldo diminuir um pouco. Acrescente e misture o restante de creme de leite e desligue a panela. Deixe esfriar um pouco.
  • Coloque o frango desfiado em cima do purê de batata que está no refratário, espalhando de maneira uniforme.
  • Por cima do frango, coloque o queijo, escondendo o recheio de frango.
  • Leve ao Forno Elétrico pré-aquecido por 10 minutos à 200 graus, ligando somente a resistência superior. Deixe gratinar por cerca de 15 minutos, até o queijo ficar douradinho.
  • Está pronto. Delicie-se.

Rendimento: 4 porções bem servidas

Não deixe de experimentar e falar conosco o que achou.

Comente, curta, compartilhe!

Carne Suína Dourada com Arroz Branco e Repolho Refogado

Olá como vai?

Que tal uma carne suína para o final de semana. Vamos mostrar pra você como prepará-la na Panela Elétrica de Pressão, na função dourar. Para guarnecer essa delícia, prepararamos um repolho refogado e o nosso Arroz Branco, já publicado em nosso blog. Vamos lá:


Ingredientes:
  • 1 kg de carne magra suína cortada em pedaços
  • 1/2 limão
  • 1/2 cebola média
  • 2 colheres (sopa) de azeite ou óleo
  • 1 copo de água filtrada
  • 2 dentes de alho
  • q/n pimenta do reino preta
  • q/n pimenta calabresa
  • sal à gosto
Modo de Fazer:
  • Retire o restinho de gordura, deixando a carne bem limpa e lave:
  • Coloque a carne em um refratário e espreme o limão sobre a carne, espalhando bem sobre toda a carne;
  • Coloque o alho, as pimentas e o sal;
  • Tampe o refratário com o filme e deixe marinar por 15 minutos;
  • Aqueça o azeite ou óleo na Panela Elétrica de Pressão, na função dourar;
  • Coloque a carne, pedaço por pedaço, para não espirrar, dentro da panela;
  • Deixe a carne dourar de um lado e vire, para dourar do outro lado. É importante deixar bem dourado, para ficar com uma cor bonita.
  • Aqueça um copo de água na Chaleira Elétrica. Assim que ferver, coloque na carne já dourada.
  • Mantendo a panela na função "dourar", tampe a mesma com a válvula de pressão aberta (para não pegar pressão) e deixe cozinhar até secar a água.
  • Assim que a água secar, coloque a cebola, frite só um pouco e desligue a panela. O calor da panela termina de dourar a cebola. Está pronto.
Importante: a carne suína deve sempre ser muito bem preparada para não fazer mal para sua saúde. Siga bem os passos acima.

O que você achou? Qualquer dúvida é só perguntar.

Comente, curta, compartilhe!

Arroz Branco

Vamos passar uma receita extremamente simples: o Arroz Branco.

Apesar da simplicidade dessa receita, vimos na internet diversas pessoas que não conseguiam preparar o arroz corretamente na panela elétrica e acabavam queimando.


Veja abaixo a forma como fazemos nosso arroz na Panela Elétrica de Arroz Vicini, sem deixar queimar nem grudar. Anote:

Ingredientes:
  • 3 xícaras (chá) de arroz tipo I;
  • 6  xícaras (chá) de água;
  • 1 colher (sobremesa) de tempero (sal-alho-cebola);
  • 1 colher (sopa) de óleo.
Modo de Fazer:
  • Coloque todos os ingredientes na panela e ligue na função "cook";
  • Antes de secar toda a água, retire da tomada. O vapor vai continuar saindo e a água vai terminar de secar.

O último passo é a grande dica para não queimar nem grudar o arroz. Quando deixamos a panela desligar sozinha e passar para a função aquecer, há o risco de queimar.

Simples assim.

E você, tem alguma dica pra dar pra gente?


Comente, curta, compartilhe!




Panela Elétrica Quadrada Oster

Oi, como vai você?

Hoje vamos dar a dica de mais uma de nossas panelas elétricas: a Panela Elétrica Quadrada Oster.

Essa panela é ótima! É a mais nova da casa e já é uma das preferidas.


A coisa que mais gostamos nessa panela é que dá pra fazer um omelete excelente nela. Isso porque possui um termostato com regulagem de temperatura, impedindo que fique queimado. Deixa o omelete douradinho, derrete o queijo e não queima.

Também é excelente para fazer um bife acebolado, podendo levar até a mesa e mantendo bem aquecidos. É show de bola!

Além disso, diferente da maioria dos grills, ela não possui orifício para escorrer gordura, permitindo fazer ensopados, cremes e molhos com facilidade. É uma verdadeira panela.

Em breve traremos as receitas dessa nossa nova panela. Aguardem.

Não se esqueça: comente, curta, compartilhe!

quarta-feira, 18 de abril de 2012

Grill George Foreman Super Jumbo

Olá, como vai?

Podemos dizer que essa foi a nossa primeira "panela elétrica". Colocamos entre aspas porque não é realmente uma panela, mas sim um grill, como o próprio nome já diz. No entanto, é uma ferramenta ótima para preparar diversos alimentos, principalmente carnes, aves e peixes. Mas também é possível preparar frutas e legumes grelhados.


Com esse grill nós fizemos diversos grelhados, entre eles um prato que amamos, o Medalhão de Filé Mingnon.

As características desse produto que mais gostamos foram as seguintes:

  • Alta temperatura: em pouquíssimo tempo as duas chapas esquentam com uma temperatura muito alta. Apesar disso ela possui termostato com regulagem em três níveis.
  • Duas chapas onduladas: uma inferior e outra superior, grelhando o alimento dos dois lados. Além disso, a chapa superior é ajustável, permitindo preparar pedaços grandes de carnes ou até mesmo grandes pedaços de coxas e sobrecoxas de frango.
  • Inclinação: o grill possui uma inclinação, ideal para escorrer o excesso de gordura do alimento. O famoso slogan "A gordura sai e o sabor fica" é verdadeiro, mas com ressalvas. Se não tomar cuidado a carne pode ficar ressecada. Ela já vem com um aparador plástico para não escorrer gordura ou o caldo da carne na mesa.
Em alguns alimentos, como o Medalhão de Filé Mingnon, que possui uma menor quantidade de gordura, nós pegamos o tempero que foi deixado marinando com a carne, regado a vinho seco, e jogamos sobre a carne várias vezes durante o preparo. Assim a carne não resseca, e ainda forma um caldo delicioso, que é usado no preparo do molho. Embora dê um pouquinho mais de trabalho, o resultado é espetacular.


Esse modelo nós adquirimos em 2006 e é mais difícil de achar hoje. No entanto, existem diversos tipos de grill que valem a pena.

E você, o que achou? Já usou uma dessa?

Comente, curta, compartilhe!

segunda-feira, 16 de abril de 2012

Chocomousse com Cobertura de Ganash Branca

Olá, como vai você?

Estamos iniciando nossas postagens de deliciosas sobremesas preparadas em nossas panelas elétricas. Você vai ver como é possível preparar diversos tipos de doces, bolos, mousses e cremes em uma cozinha cem por cento elétrica como a nossa. Anote!


Ingredientes:
  • 1 massa para bolo Chocomousse Fleischmann
  • 3 ovos
  • 3 colheres (chá) de margarina
  • 150ml de leite
  • 1 xícara (chá) de creme de leite sem soro
  • 200g de chocolate branco Garoto
  • q/n de raspas de chocolate meio amargo Garoto
  • q/n de farinha de trigo

Modo de fazer:

a) Ganash Branca (cobertura):
  • Derreta o chocolate branco em banho maria ou microondas;
  • Misture o creme de leite até obter uma mistura homogênea.

b) Massa:
  • Bata com o Mixer Philips Walita a massa para bolo, os ovos, a margarina e o leite até obter uma mistura homogênea;
  • Coloque a mistura em uma forma untada com farinha de trigo, espalhando bem para que a massa fique distribuída de maneira uniforme;
  • Coloque a forma no Forno Elétrico pré-aquecido. Ligue apenas a resistência inferior por cer de uma hora (acompanhe o processo para não queimar e não abra a tampa do forno até terminar de assar);
  • Ao final do processo, ligue também a resistência de cima do seu forno, para dourar a massa;
  • Desenforme, coloque a cobertura e, para finalizar, espalhe as raspas de chocolate meio-amargo;
  • Aguarde esfriar, coloque na geladeira e sirva gelado.
  •  
Nós classificamos essa receita como bolo e como sobremesa. Isso pois a massa fica com uma textura diferente, aerada e bem macia. Além disso, a ganash branca fica ótima com o mousse de chocolate, sendo uma excelente sobremesa, mas também podendo ser servida como café da manhã ou da tarde.

E então.. o que achou? Comente, curta e compartilhe!

sábado, 14 de abril de 2012

Bacalhoada

Fala sério, na Páscoa não tem jeito. Quer queira, quer não queira, dá vontade de comer o famoso bacalhau. Nós não resistimos e fizemos também. Veja só!


Ingredientes:
  • 500g de Bacalhau do Porto em pedaços
  • 4 batatas grandes cortadas em filés
  • 1 tomate grande cortado em rodelas
  • 1 cebola grande cortada em rodelas
  • 1/2 pimentão verde cortado em rodelas
  • 1/2 pimentão amarelo cortado em rodelas
  • 1/2 pimentão vermelho cortado em rodelas
  • 50g de azeitona preta
  • 4 ovos
  • q/n de azeite de oliva extra-virgem
  • q/n orégano
  • q/n pimenta do reino preta
  • q/n de água
  •  
Modo de fazer:

a) Para dessalgar o bacalhau:
  • Coloque o bacalhau em um recipiente, encha-o de água e guarde na geladeira;
  • Troque a água a cada duas ou três horas;
  • Faça esse procedimento algumas vezes, até que fique ao seu gosto em relação ao sal. Cuidado para não deixar muito salgado, sendo preferível deixar com pouco sal e, se for o caso, acrescentar um pouco mais durante o preparo;
b) Para cozinhar as batatas e os ovos:
  • Na Panela Elétrica de Arroz, acrescente a água e os ovos;
  • Coloque as batatas no suporte de cozimento à vapor de sua panela;
  • Ligue a panela na função "cook" (cozinhar);
  • Os ovos e as batatas estarão prontos entre cinco e dez minutos após começar a fervura.
c) Para montar os ingredientes na assadeira:
  • Regue o fundo da assadeira com bastante azeite;
  • Coloque uma camada de batatas;
  • Coloque uma camada de tomate;
  • Coloque uma camada de cebola;
  • Coloque uma camada de pimentão;
  • Coloque uma camada de batatas;
  • Coloque uma camada de bacalhau, desfiando-o se necessário;
  • Coloque uma camada de ovos;
  • Regue novamente com bastante azeite;
  • Repita as camadas até finalizar os ingredientes;
  • Por cima, regue mais uma vez com azeite, coloque as azeitonas, o orégano e a pimenta;
  • Leve ao Forno Elétrico pré-aquecido à 250 graus, por cerca de 60 minutos. Utilize somente a resistência inferior do seu aparelho, para não queimar.
Rendimento: 4 porções.

Ficou uma delícia!

E você, o que achou? Não se esqueça: comente, curta, compartilhe!

Um grande abraço.

Filé de Merluza ao Leite de Coco

Olá, como vai você?

Semana passada foi feriado de Páscoa e aproveitamos para preparar esse prato. Experimente!


Ingredientes:
  • 600g de Filé de Merluza
  • 1/2 limão
  • 1 colher (chá) de Tempero da Mary
  • 1/2 tomate com casca e semente
  • 100 ml de leite de coco
  • 1/2 cebola
  • q/n de pimenta do reino preta
  • q/n de azeite de oliva extra-virgem
  • q/n de cheiro verde (salsinha e cebolinha)
Modo de Fazer:
  • Coloque os filés em um recipiente e acrescente o limão, deixando marinar por cerca de dez minutos;
  • Tempere os filés com o tempero e a pimenta;
  • Ligue a Panela Elétrica de Pressão na função dourar, acrescente o azeite e aguarde esquentar bem;
  • Coloque os filés na panela e tampe (com a saída de vapor aberta para não pegar pressão), deixando cozinhar por cerca de três minutos;
  • No miniprocessador Mixer Philips Walita, bata o tomate, a cebola e o leite de coco (pulse no modo normal para ficar com os pedacinhos de tomate e da cebola);
  • Experimente os filés e acrescente mais tempero se necessário;
  • Acrescente o molho de leite de coco, tampe com a válvula aberta e cozinhe por mais cinco minutos;
  • Desligue a panela e salpique o cheiro verde.
  • Está pronto! Coloque em uma travessa ou diretamente no prato, decorando como preferir.
Rendimento: 4 porções.


Na ocasião, servimos com Arroz com Vagem e uma salada de rúcula e tomate, temperada dom Acetato Balsâmico. Uma delícia.

Provou e aprovou? Comente, curta e compartilhe!
     

Mixer Philips Walita

Este utensílio nós adquirimos anos antes de montar nossa cozinha elétrica, e é muito versátil em qualquer tipo de cozinha.


Você poderá utilizá-lo de três formas diferentes:
  • Como um liquidificador, para fazer vitaminas, sucos, cremes e blenders de todos os tipos;
  • Como um miniprocessador de alimentos, para picar, cebolas, queijos e até pequenos pedaços de carne. Nós temos utilizado muito essa ferramenta para preparar diversos alimentos e temperos exclusivos.
  • Como um batedor, para bater claras, mousses e massas leves. Nós apresentaremos algumas receitas de bolos, tortas e mousses preparadas com essa ferramenta.
Além de tudo isso é fácil de lavar e bastante resistente. Temos desde 2006 e até hoje nunca deu problema.

Apesar de não ser uma panela elétrica, não podemos deixar de lado essa ferramenta e decidimos compartilhar com você.

E você, o que achou? Comente, curta, compartilhe!

Panela Elétrica de Arroz Vicini

Uma das panelas elétricas mais procuradas e certamente a mais comprada hoje no Brasil é a panela elétrica de arroz.

Quando decidimos iniciar esse projeto, percebemos um grande número de pessoas procurando receitas na internet para serem feitas com esse tipo de panela.

A que possuímos e utilizamos até o momento é a Panela Elétrica de Arroz Vicini, que comporta até 10 xícaras de arroz. É uma panela muito versátil, uma vez que além de preparar o arroz, também cozinha legumes no vapor, podendo ainda ser utilizada para cozinhar ovos.


A utilização do cozimento dos legumes a vapor é muito saudável e altamente recomendado por médicos e nutricionistas, pois mantém os nutrientes no alimento, diferente da água, que retira esses nutrientes. Essa tarefa é facilitada pelo cesto plástico para cozimento a vapor que acompanha a panela. Esse processo pode ser feito durante a preparação do arroz ou do cozimento dos ovos.

É possível preparar diversos tipos de arroz nessa panela e iremos nos esforçar bastante para diversificar as receitas, mas não vai ser uma tarefa fácil, uma vez que a temperatura interna da panela cai muito quando se abre a tampa da mesma. Essa característica dificulta o preparo de pratos com carnes, aves e peixes, deixando esse processo muito lento. No entanto, é possível preparar ainda massas e legumes com a panela de arroz.


Apesar dessas dificuldades, junto com a Panela Elétrica de Pressão, ela é imprescidível em uma cozinha elétrica como a nossa. É possível passar um bom tempo cozinhando apenas com essas duas panelas, preparando os pratos principais na panela de pressão e o acompanhamento (arroz, massas e legumes) na de arroz. Mas não recomendamos adquirir somente a panela elétrica de arroz, pois deixará sua cozinha muito limitada.

Você já preparou alguma coisa diferente com sua panela elétrica de arroz? Deixe sua dica.

E não se esqueça: Comente, curta e compartilhe! Seu retorno é importante para nós.

Um grande abraço.

Dica: Encontre Panelas Elétricas de Arroz aqui.


Panela Elétrica de Pressão Fun Kitchen

Olá, como vai você?

Neste post vamos falar um pouco sobre uma de nossas melhores panelas: a Panela Elétrica de Pressão Fun Kitchen.

As principais características dessa panela são:  o timer que permite acompanhar o tempo de cozimento, o botão regulador de pressão, a válvula flutuante e a tampa com autotravamento (itens de segurança), o anel de vedação em borracha e o recipiente de cozimento removível para facilitar a limpeza. Além do mais, em seu painel tem várias opções de funções por tipo de cozimento tais como; aquecer, dourar, cozimento a vapor, cozimento lento e retardamento de tempo.

Panela Elétrica de Pressão Fun Kitchen

Durante nossa utilização, três coisas nos chamaram mais atenção.

Primeiro, é a função principal desse tipo de panela: o cozimento a pressão. A necessidade de água é mínima e não há risco de queimar o alimento. Isso acontece porque, diferente das panelas de pressão tradicionais, durante o cozimento não há saída de vapor. Assim a água interna não seca, e consequentemente o alimento não queima. Além disso, a panela é muito silenciosa, uma vez que não há saída de vapor durante o cozimento. Ao final do tempo programado, ela emite vários bipes, e entra automaticamente na função aquecer. Nessa função já fizemos feijoadas, assados de panela, lagarto recheado, sopas, etc.

A segunda coisa que nos chamou a atenção é o poder da função dourar. Mesmo sendo uma panela de pressão, essa função nos permite fazer vários pratos que não precisam de pressão e até mesmo substitui bem as panelas elétricas comuns, dependendo do tipo de alimento que for preparado. É possível, por exemplo, fazer bifes acebolados ou filés de frango bem dourados, ovos mexidos com bacon, linguiças e até doces como, por incrível que pareça, brigadeiros.

Finalizando, a terceira coisa foi a facilidade de limpar essa panela. A tampa é totalmente lavável, sendo possível retirar o anel de vedação de borracha facilmente para uma limpeza detalhada. O recipiente de cozimento é removível e revestido de um material que não gruda nenhum tipo de alimento, bastando passar uma esponja com detergente para limpar. Não é preciso deixar horas com água para amolecer a sujeira, nem esfregar com força ou usar palha de aço. Você pode deixar sua cozinha limpa antes mesmo de almoçar.

Se você pretende transformar sua cozinha tradicional em uma cozinha elétrica, como nós fizemos, essa panela é indispensável. Apesar de ter sido o item mais caro que compramos para montar nossa cozinha elétrica até o momento, foi uma excelente aquisição.







E você, o que acha? Já possui uma dessas? Tem alguma dúvida?

Comente, curta, compartilhe!


Chaleira Elétrica Zeex

Um dos motivos que nos levou a optar por uma cozinha elétrica foi a economia de tempo no preparo dos alimentos e a Chaleira Elétrica Zeex nos ajudou ainda mais com essa economia.


Apesar de possuir uma única função, essa chaleira ferve uma boa quantidade de água em menos de três minutos.

Essa característica nos ajuda muito, particularmente quando utilizamos a Panela Elétriza de Arroz, que demora um pouco mais para aquecer a água.

Quando precisamos preparar um arroz, por exemplo, esquentamos a água na chaleira e a colocamos na panela de arroz, ganhando tempo de preparo.

Também utilizamos a chaleira quando douramos uma carne na Panela Elétrica de Pressão e desejamos acrescentar água para cozinhar na pressão. Acrescentar água fria enrigece a fibra da carne, deixando-a endurecida. Então esquentamos a água na chaleira e acrescentamos à carne, sem o risco de estragar o alimento.

Você pode me perguntar: "Mas eu não poderia esquentar a água em um microondas?" Sim é verdade. Mas a segurança em trabalhar com essa chaleira é muito maior que no microondas, até por causa da quantidade de água que suporta, de quase dois litros. Em um microondas o risco é muito maior. Além disso, ela desliga automaticamente quando esquenta a água, sendo mais um item de segurança.

Assim como o Mixer Philips Walita, não se trata de uma panela elétrica, mas é mais uma ferramenta que não abrimos mão em nossa cozinha. Vale a pena!

E você, o que achou? Comente, curta, compartilhe!

Tempero da Mary

Que tal ter em sua geladeira um tempero rápido e fácil de fazer e possível de ser usado em diversos pratos. Essa é a proposta desse temperinho ensinado por minha mãe, a Mary. Mais saudável que os temperos prontos comprados em mercado, ricos em glutamato monossódico, essa ferramenta é uma mão na roda de qualquer cozinheiro.


Ingredientes:
  • 1/2 cenoura
  • 1/4 de pimentão verde
  • 4 dentes de alho grande
  • 1/2 cebola média
  • 1 pitada de óregano
  • cheiro verde (salsinha e cebolinha) à gosto
  • 3 colheres (chá) de sal
  • 2 colheres (chá) de óleo de soja
Modo de Fazer:
  • Bata todos os ingredientes no miniprocessador Mixer Philips Walita até ficar pastoso. E está pronto.
  • Coloque em um recipiente fechado e conserve em geladeira.
Rendimento: cerca de 300g.

A característica desse tempero é dar um tom saudável aos alimentos, sem a necessidade de utilizar colorau, massa de tomate e outros. Pode ser usado em arroz, saladas, carnes, ensopados, etc., dando um aspecto agradável ao alimento. Apesar disso é um tempero suave e com aroma agradável.

E você, o que achou? Comente, curte, compartilhe!

Um abraço.

Arroz com Vagem

Essa é mais uma opção de arroz que você pode fazer em sua Panela Elétrica de Arroz. Além disso, veja como fica bem legal incluir um legume na refeição junto do tradicional arroz. Experimente!

Ingredientes:
  • 01 xícara de arroz
  • 02 xícaras de água
  • 6 vagens picadas em diagonal
  • Tempero da Mary à gosto
  • Um fio de Azeite Extra-Virgem
Modo de Fazer:
  • Coloque na panela a água, a vagem, o tempero e o azeite.
  • Ligue a panela na função "cook" (cozinhar) e aguarde a água ferver (sair vapor).
  • Quando começar a ferver, coloque o arroz.
  • Após alguns minutos, verifique a quantidade de água que ainda está na panela, abrindo a tampa com cuidado. Quando estiver quase seco, coloque na função "warm" (aquecer) e tire da tomada e aguarde alguns minutos com a tampa fechada. Esse procedimento evita que o arroz grude na panela, ou até mesmo que fique seco. Assim o arroz vai ficar mais úmido e soltinho.
  • Está pronto!
Rendimento: 4 porções.


Dica: Se estiver com muita pressa, aquece a água na Chaleira Elétrica, coloque todos os ingredientes juntos, inclusive o arroz, e ligue na função "cook". Siga os demais procedimentos normalmente, para não grudar o arroz.

Na foto, o arroz foi usado para guarnecer um maravilhoso Filé de Merluza com Leite de Coco.

E então. O que achou? Comente, curta e compartilhe!

sexta-feira, 13 de abril de 2012

Forno Elétrico Fogatti

Olá, como vai?

Gostaríamos de compartilhar com você mais um de nossos aparelhos.

Quando decidimos montar nossa cozinha elétrica, pensamos: "mas como vamos fazer para assar nossas carnes, pães e bolos?"... "só se a gente comprar um forno elétrico pra ver"... Decidimos então comprar e deu certo.


O Forno Elétrico Fogatti não perde em nada para um forno à gás de um fogão comum, exceto pelo tamanho. Por isso escolhemos um de 38 litros, que possui um tamanho razoável.

No entanto, o aquecimento é espetacular, chegando à 250 graus, bem rapidamente. Possui duas resistências, uma superior e outra inferior. As duas servem para aquecer o forno, mas a de cima também funciona como um grill, indicado para dourar carnes, pães e bolos.

Desde que adquirimos esse forno à pouco mais de um ano, já fizemos diversas receitas, desde um simples misto quente para o café da manhã, passando pelo lombo suíno assado para uma ocasião especial, até um bolo pão de ló para o lanche da tarde. E nós iremos compartilhar com você diversas receitas que utilizam o forno elétrico. Temos certeza que irá gostar.

Você já utilizou algum forno elétrico? Comente, curta, compartilhe!